Sobre Autoclave

DSC_1017O Pinus Autoclavado revolucionou o uso da madeira na construção civil, uma vez que a madeira de lei está a cada dia mais escassa no mercado. Prova disso, está na quantidade de projetos que passou a utilizar essa matéria-prima. A autoclavagem é um moderno processo industrial de tratamento de madeira, que incorpora tecnologia desenvolvida nos campos da mecânica e da química. Somente através de autoclavagem é possível impregnar profundamente a madeira com produtos inseticidas e fungicidas de ação comprovada, protegendo-a contra o apodrecimento, o cupim, e outros agentes biológicos de deterioração, e também garante uma vida útil que, dependendo da aplicação, pode ultrapassar os 30 anos.

Este tipo de tratamento não transmite cheiro à madeira, não exala vapores e não deixa resíduos em sua superfície. Pesquisas desenvolvidas por conceituadas autoridades ambientais e toxicológicas de diversos países, conferem ao produto autorização para tratamento de madeiras de uso em freqüente em contato com a pele tais como, habitações, construções comerciais e play-grounds, além de uma infinidade de aplicações na área rural.

Uma vez aplicado, mantém inalterada a condutividade elétrica natural da madeira, fator de significativa importância para aplicações em setores como o elétrico e o ferroviário (postes, cruzetas, dormentes, etc.)

Madeiras tratadas com CCA, não provocam o aumento da corrosividade de metais utilizados em contato nem alteram a combustibilidade característica do material madeira. É importante também destacar que acabamentos superficiais podem ser aplicados e apresentam durabilidade superior à obtida quando aplicados em peças sem tratamento.